Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sr. Solitário

Aquilo que penso. Aquilo que sinto. Aquilo que sou.

Aquilo que penso. Aquilo que sinto. Aquilo que sou.

30
Jun16

7 tags para responder

Sr. Solitário

Fui convidado pela B. para este desafio de tags, onde podem conhecer muito de mim!

 

[ 1 ] - TAG: Isso ou Aquilo?

 

Corpo
1. Perfume ou body splash? Perfume. Não sei o que é body splash...

2. Sabonete em barra ou líquido? Líquido. Não gosto de lavar a cara com o mesmo sabonete que a minha mãe lava... outra coisa qualquer!

 

Cabelos

1.Enrolados ou lisos? Liso.

2. Rabo de cavalo ou coque? Coque?! Que é isso!!

3. Spray ou gel? Nenhum. O meu cabelo está sempre ao natural. Só uso gel em épocas especias.

4. Curto ou comprido? Curto.

5. Claro ou escuro? Já foi claro, agora está escuro.

 

Perguntinhas Aleatórias

1. Chuva ou sol? Hum... depende dos dias. Há dias em que apetece um belo dia de chuva!

2. Verão ou inverno? Inverno.

3. Primavera ou Outono? Outono, a minha estação preferida.

4. Chocolate ou baunilha? Chocolate, chocolate, CHOCOLATE!!!

 

[ 2 ] -TAG da verdade ou Uma só palavra:

1. Onde está seu celular? Ao meu lado.

2. Seu parceiro? Inexistente.

3. Seu cabelo? Gande demais. Só o corto na altura do casamento da minha prima, daqui a um mês!

4. Sua mãe? Guerreira.

5. Seu pai? Amor incondicional.

6. Seu objecto preferido? Telemóvel.

7. Seu sonho da noite passada? Um pesadelo!

8. Sua bebida preferida? Néctar de fruta.

9. O carro dos seus sonhos? O novo clio.

10. O quarto onde você está nesse momento? Estou na cozinha.

11. Seu ex? Ódio.

12. Seu medo? Medo das alturas.

13. O que você deseja ser em 10 anos? Jornalista.

14. Com quem você passou a noite passada? Sozinho.

15. O que você não é? Hipócrita.

16. O você fez por ultimo? Limpei as janelas (juro!).

17. O que você está usando? T-shirt e calças de treino.

18. Livro preferido? Os Anagramas de Varsóvia - Richard Zimler.

19. A ultima coisa que você comeu? Massa com salsichas :D

20. Sua vida? Um turbilhão de pensamentos.

21. Seu humor? Sempre presente.

22. Seus amigos? Poucos, mas bons.

23. Em que você está pensando nesse momento? Nas respostas que vou dar.

24. O que você esta fazendo nesse momento? Escrever no blog.

25. Seu verão? Fresco.

26. O que está passando na sua TV? A tarde é sua.

27. Quando você sorriu pela ultima vez? Hoje.

28. Quando você chorou pela ultima vez? Ontem.

29. Escola? Quem me dera voltar...

30. O que você esta escutando nesse momento? Nada. Já ouvi Tony Carreira.

31. Actividade preferida dos finais de semana? Ler.

32. Profissão dos seus sonhos? Jornalista.

33. Seu computador? Fixe!

34. Do lado de fora da sua janela? Árvores, rua, rotunda, movimento.

35. Cerveja? Não bebo bebidas alcoólicas.

36. Comida mexicana? Nunca comi.

37. Inverno? É bom.

38. Religião? Católico, não praticante.

39. Ferias? Gostava de conhecer Paris.

40. Em cima da sua cama? Os cobertores.

41. Amor? Sentido.
  
[ 3 ] - TAG: 13 Perguntas pessoais:

1. O que você costuma pedir no Starbucks? Não conheço.

2. Qual item do seu armário você não consegue viver sem? Roupa.

3. O que é uma coisa que as pessoas provavelmente não sabem sobre você? Danço há dez anos num Grupo Folclórico.

4. Diga uma coisa que você quer fazer antes de morrer. Visitar Paris.

5. Qual a comida que você não consegue viver sem? MacDonald's!!

6. Qual a frase que rege a sua vida? Não sei...

7. O que você gosta e não gosta sobre o YT? Vejo pouco. Gosto de ver os apanhados, alguma série e algum videoclip de música. Não gosto de ver vídeos de quedas, mete-me impressão!

8. Qual é a sua música mais ouvida no iTunes? Prefiro ouvir os meus CD's.

9. Como você definiria o seu estilo? Casual.

10. Número favorito. Não tenho.

11. Dois hobbies. Caminhar, ler.

12. Duas coisas que te irritam. Falta de respeito e falta de educação.

13. Um prazer culposo. Gelado.

 

[ 4 ] - TAG: E se eu perguntasse?

1- Você tem alguma mania? Qual? Tantas! Roer as unhas, limpeza, organização.

2- Você cumprimenta estranhos na rua? Não.

3- Quem faz os serviços domésticos na sua casa? Eu.

4- Você acha que às vezes acaba comprando produtos sem necessidade? Sim, muitos doces!!

5- Você fuma? Não.

6- Quantas pessoas moram na mesma casa que você? Contando comigo 4.

7- Você tem medo de envelhecer? Sim.

8- Você usa maquilhagem? Já coloquei base, mas deixei disso, não gosto.

9- Qual a sua prioridade na vida? Ser feliz.

10- Você joga lixo na rua? Não!

11- Qual câmara você usa para gravar seus vídeos? Telemóvel.

12- Qual seu cheiro agora? Detergente.

13- Você acha que os produtos caros são sempre os melhores? Não.

14- No autocarro ou em fila de banco, você dá lugar para os idosos? Sim claro.

15- Você é uma pessoa sociável? Sim, muito.

16- Seu celular está sempre com créditos? Não.

17- Caso fosse fazer uma cirurgia plástica, o que você mudaria? O rosto.

18- Você é feliz? Ninguém é totalmente feliz.

19- Você é uma pessoa vingativa? Sim. Não queria ser, mas sou.

20- Já se sentiu evitado por uma ou mais pessoas em algum momento da vida? Tantas vezes!

21- Você acredita que as pessoas mudam? Não.

22- Você gosta de ser visitado com frequência? Sim.

 

[ 5 ] -TAG: Espelho, espelho meu:

1. Você gosta do seu nome ou mudaria? Mudava.

2. Gostaria de ser mais velho ou ser mais novo? Mais novo.

3. Você queria ter nascido loiro, moreno, ruivo, negrao ou mulato? Loiro.

4. E quanto a cor dos olhos, azuis, verdes, castanhos ou pretos? Azuis.

5. Seu cabelo é natural ou apanhado? Natural.

6. Gostaria de ser mais alto ou mais baixo? Nem uma coisa nem outra. Tenho uma altura normal.

7. Gostaria de ser mais magro ou mais encorpado? Mais encorpado.

8. Você prefere usar calça jeans ou shorts jeans? Jeans.

9. Vestido ou saia? Não sei o que fica melhor com as minhas pernas cabeludas... LOL talvez uma saia comprida.

10. Macacão ou jardineira? Adoro uma boa jardineira de vitela :D

11. Prefere usar sapatilhas e saltos? Ténis. Eu de saltos era uma coisa linda de se ver.

12. Você compra mais produtos de maquilhagem e cosméticos? Ou roupas e acessórios? Roupas e acessórios.

13. Você se arruma mais para o dia, tarde ou noite? Dia.

14. Qual celebridade você gostaria de ser? Leandro.

15. Se defina em 3 palavras: Simpático, brincalhão, teimoso.

 

[ 6 ] -  TAG: Completando Frases

1. Sou muito... Teimoso.

2. Não suporto... Faltas de respeito.

3. Eu nunca... me expunha ao ridículo.

4. Eu já... chorei por amor.

5. Quando criança... corria pelos campos fora!

6. Nesse exacto momento... Estou emocionado com uma história que vejo na tv.

7. Eu morro de medo... Das alturas.

8. Eu sempre gostei de... Brincar.

9. Se eu pudesse... Mudava de casa, para bem longe daqui.

10. Fico feliz quando... Vejo as crianças a brincarem, felizes.

11. Se pudesse voltar no tempo... Mudaria muita coisa!

12. Adoro... Ler.

13. Quero muito... Atenção.

14. Eu preciso... de roupa nova.

15. Não gosto... Cozido à portuguesa.

 

[ 7 ] - TAG: 13 coisas estranhas sobre mim

1. Qual apelido que apenas sua família te chama? Hedinho.

2. Qual hábito estranho você tem? Olhar pela janela obsessivamente.

3. Você tem alguma fobia estranha? Aves.

4. Qual musica você canta em voz alta? Todas as que ouço.

5. Qual mania dos outros que mais te irrita? Comer de boca aberta.

6. Quando você está nervoso qual hábito você pratica? Roer as unhas.

7. Qual lado da cama você dorme? Direito.

8. Qual foi o seu primeiro peluche e qual o nome dele? Nao me lembro, tive muitos.

9. Que lado você fica no chuveiro? De frente para o chuveiro.

10. Você tem alguma habilidade estranha com o seu corpo? Não!

11. Qual fast food você sempre come? MacDonald's!!

12. Qual frase de exclamação que você sempre fala? Oh meu deus!

13. Na hora de dormir o que você realmente veste? Pijama.

 

 

30
Jun16

Preferia não ter visto!

Sr. Solitário

Estava eu a fazer mais uma das minhas caminhadas quando avisto ao longe duas senhoras que, deduzi, estavam a fazer o mesmo. É comum ver várias pessoas de várias idades caminhando naquele mesmo lugar, o que acaba por ser uma boa prática, pois fazer exercício é fundamental para o nosso organismo. E continuo a dizer, não é só as pessoas com peso a mais que devem fazê-lo, todos o devem fazer!

 

Bem, lá estou eu a divagar! Continuei com a minha caminhada quando, de repente, deixei de ver as senhoras. Pensei que já tivessem feito o caminho todo, mas logo depois vi que era impossível, por mais rápidas que fossem não conseguiriam percorrer uma grande parte do percurso em tão pouco tempo.

 

Enquanto caminhava ia pensando no que escrever no blog hoje, pois estava sem ideias (mal sabia eu o que aí vinha!). De repente, ouvi vozes. Olhei para todos os lados e não vi ninguém. Pensei logo tratar-se das senhoras que tinha visto, mas não fazia ideia de onde elas se tinham enfiado... quando assim, do nada, vi-as saírem do mato com as calças na mão!!

 

Mas o que estavam elas a fazer?! Eu explico. As senhoras foram aliviar a bexiga no meio da natureza! Foram urinar. Um fertilizante natural para a vegetação.

Como se fosse coisa pouca eu ter presenciado tamanha cena, que me deixou mais envergonhado a mim do que as próprias senhoras que agiram naturalmente (continuavam a falar como se nada tivesse passado), ainda vi as banhas de uma pele cheia de celulite que espreitava por baixo da camisola. É que só me faltava ouvir uns traques também!

Oh mas que cena!

 

quero-mijar.jpg

 

28
Jun16

Gentes da minha terra #01

Sr. Solitário

Hoje vou falar do Sr. António. Um senhor com cerca de 65 anos, divorciado à pouco tempo, que reaprendeu a viver sozinho. Tem nacionalidade venezuelana mas reside em Portugal já há bastantes anos. Já trabalhou em muitos escritórios, altos cargos, agora está aposentado e recebe uma parca reforma.

 

O Sr. António tem sempre muitas histórias para contar e eu adoro ouvi-las. Ouço-o atentamente, sem o interromper para ele não perder o raciocínio, pois eu quero absorver sempre tudo o que ele diz. Com o seu sotaque venezuelano, fumando a sua cigarrilha, as suas histórias fazem-me recuar no tempo, o tempo da sua juventude, outros tempos bem diferentes de agora, contados com paixão, ponderação, cativando assim o seu ouvinte.

 

As histórias que mais adoro ouvir são aquelas que ele conta aquando a sua estadia na tropa. Momentos difíceis de recordar, dificuldades inacreditáveis, difíceis de imaginar, mas nunca pus em causa a veracidade delas.

Diz-me, de olhos marcados pelo sofrimento, que dormiu imensas vezes ao relento, ao frio; bebia água das poças, perdia-se nas florestas e tinha que encontrar o caminho de regresso sozinho, sem comida, sem bens essenciais. Uma vida dura.

 

"Uma vez, estávamos todos nós sentados a limpar as nossas armas (elas tinham que ser limpas frequentemente, não podíamos deixa-las sujas, senão teríamos castigos) quando de repente, algum cadete que não trancou a arma como deveria ter feito, a fez disparar acidentalmente e o tiro acertou na nuca de um dos nossos parceiros. O rapaz, que teria uns 18 anos, não mais, morreu ali à nossa frente, ficou com a cabeça quase desfeita... nunca mais me esqueço desse momento, nunca mais!"

 

27
Jun16

Onde está o meu telemóvel?

Sr. Solitário

Se para umas coisas tenho boa memória, para outras nem por isso. É uma desgraça! E no que toca ao meu telemóvel então nem se fala... nunca sei onde o deixo.

Agora podem pensar que "ah e tal, é porque não ligas muito ao telemóvel e não sei quê...". Nada disso! Também sou telemóvel dependente (já fui mais, é certo).

 

Chego a casa, coloco-o ora no quarto, ou noutra divisão qualquer, numa mesa ou até dentro de uma gaveta que é para evitar que caia e se parta, e depois vou fazer outras coisas. Quando me lembro dele, olho para todos os lados para ver se o vejo, ando de um lado para o outro tipo barata tonta à procura dele até que o encontro, já com algumas chamadas não atendidas e mensagens sem resposta. Às vezes tenho mensagens a perguntar "aconteceu alguma coisa?". Já aconteceu pedir à minha irmã para me ligar para o telemóvel tocar e assim ser mais fácil encontra-lo.

 

Ora no domingo fui levar a minha mãe ao trabalho, cheguei a casa, tomei o pequeno almoço, vim até à net, vi televisão e, assim de repente, lembrei-me que não tinha o telemóvel comigo e nem fazia ideia de onde ele estava. Procurei-o pela casa toda e não o encontrei! Já estava a ficar irritado... Sabem onde estava? Dentro do porta-luvas do carro!!

 

telemovel-nao-liga-720x340.jpg

 

26
Jun16

Do que me queixo eu afinal?

Sr. Solitário

Tenho andado estes dias a ler um livro de que vos falei. Um livro forte que me revolta o espírito, que me revolve o estômago e que me faz pensar. Pensar que o ser humano é capaz de cometer tamanhas atrocidades pelo poder. A lei do mais forte.

 

Não me vou alongar mais sobre este assunto. Quando acabar de ler o livro farei uma referência aqui no blog, como prometido.

Contudo, não podia deixar de escrever esta publicação, sobre uma questão que se prende na minha mente nos últimos dias.

 

Do que me queixo eu afinal? Terei razões para me queixar de alguma coisa quando leio alguns relatos passados?

Eu tenho uma casa para viver, sou livre para escrever e dizer o que quiser, sou livre para sair para a rua e caminhar até onde me apetecer.

Na minha casa tenho água quente para tomar banho todos os dias, tenho lençóis quentinhos para me aconchegar durante a noite, uma cama grande só para mim, um cheiro agradável no ar.

Tenho comida para comer sempre que tenho fome, bolachas na despensa, doces no armário, iogurtes no frigorífico.

Leio despreocupadamente na varanda.

 

Terei eu razões para me queixar? Não, não tenho.

 

24
Jun16

Bullying (parte 5)

Sr. Solitário

Quinta-feira, 16 de março de 2000

 

Caminho sozinho pela escola durante o intervalo, de cabeça baixa, sorumbático. Não vou para nenhum lugar em especial, apenas caminho sem destino para não estar parado e perto dos meus colegas.

 

Hoje tive a aula que mais detesto - Educação Física. Foi dia de jogar futebol, coisa que odeio! Não tenho jeito nenhum para chutar uma bola e marcar golos como o Pauleta ou o Nuno Gomes. Ao formarem as equipas fico sempre para último, aquele que ninguém quer, que ninguém escolhe, e aceitam por imposição pelo professor com um encolher de ombros resignado.

 

Durante o jogo ninguém me liga nenhum. Não me passam a bola, não me dão sequer uma oportunidade. Passeio-me pelo campo feito uma marioneta, olhando os meus colegas que por sua vez riem-se das minhas pernas magras.

O professor, vendo que não estou ali a fazer nada, diz para eu ir para o outro campo, o das raparigas. Vou jogar juntamente com as meninas. Ecusado será dizer que todos se riram de mim.

 

A seguir à aula vem o momento que mais odeio. Tomar banho com todos os colegas. Um deles acusa-me de estar sempre a olhar e apreciar os orgãos genitais deles. Logo eu que tento sempre olhar para todos os lados menos para eles, lutando contra todas as minhas vontades, todos os meus desejos, pois eu não posso ser assim, não posso gostar de rapazes, isso não é normal!

 

Está quase na hora da próxima aula e dirijo-me para a sala. Uma colega minha faz-me um gesto para que me aproxime. Diz que quer fazer-me uma pergunta. Fico contente, pois eu quero muito, muito mesmo, relacionar-me com todos eles e, se puder ser útil, talvez parem de gozar comigo e me aceitem.

 

Ela pergunta-me: "já te veio o período?". Todos se riem. Não respondi e fui para a aula. Tenho vontade de chorar mas até contra essa vontade tenho de lutar.

23
Jun16

Vinagre para as melgas

Sr. Solitário

Na noite de terça para quarta, fui atacado não por 1, nem por 2, e muito menos por 3, mas sim por 4 melgas! Ora então pensei que devo ser muito doce para atrair essa espécie de mosquitos irritantes que não me deixaram dormir.

 

Eram 4 da manhã e eu de chinelo na mão, numa espécie de arma branca fofinha, a tentar cometer homicídios e deixar vestígios na parede que, se não forem limpos, irão tornar-se em fósseis. Pena é que não consigo ganhar dinheiro com isso.

 

Ontem de manhã queixei-me à minha mãe do sucedido e ela aconselhou-me a que nessa noite próxima colocasse uma tigela com vinagre na mesa de cabeceira. Que isso iria afasta-las.

Deixem que vos diga que as nossas mães têm sempre razão! Ficou um cheiro esquisito no quarto, até pensei que ia sonhar que estava a comer uma salada cheia de vinagre, mas tive uma noite santa!

 

Deixo-vos aqui este conselho da minha mãe se também sofrem deste mal. Abaixo as melgas!

 

h.jpg

 

22
Jun16

O Solitário foi à biblioteca

Sr. Solitário

Com o tempo a aquecer, a minha vontade de ler aumenta. Não me perguntem porquê, eu não sei explicar. Poderá ter a ver com o facto de gostar de ler na varanda, ao fresco. Ouvir o canto dos pássaros e o burburinho dos transeuntes tranquiliza-me bastante e, ao ler, absorvo as palavras numa sede infinita de ler mais e mais.

 

Ontem fui à biblioteca buscar mais livros. Adoro ir à biblioteca! Todas as funcionárias já me conhecem e recebem-me sempre de braços abertos. Já sabem os meus gostos, dizem-me sempre as novidades que têm e, como sempre, saí de lá com estes 3 livros. 3 é o número máximo de livros que posso trazer. Por norma, faço uma seleção dos livros que quero e, se forem mais que 3, tenho que fazer uma outra seleção e decidir quais levar.

 

Quem estiver a apreciar-me deve achar que sou maluco. Começo sempre por olhar para as lombadas dos livros dispostos na estante, quando alguma me chama a atenção (pelo autor ou pelo título), pego no livro, leio a sinopse, as contracapas, folheio o livro, apalpo-o para sentir a textura das suas folhas, vejo o tamanho das letras, e cheiro-os! Adoro sentir o cheiro adocicado dos livros mais antigos!

 

Trouxe estes três livros que me pareceram bons e que, com certeza, me irão proporcionar bons momentos de leitura emocionantes.

Algum de vocês já leram estas obras? Partilhem a vossa opinião comigo mas sem contar a história!!

 

livros.jpg

 

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Links

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Este blogue tem direitos de autor

Copyrighted.com Registered & Protected 
AV4F-DECN-50AT-8KBU

A ler...

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D