Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sr. Solitário

Aquilo que penso. Aquilo que sinto. Aquilo que sou.

Sr. Solitário

Aquilo que penso. Aquilo que sinto. Aquilo que sou.

22
Jul16

Abandonei um livro e ninguém o levou

Sr. Solitário

Ontem decidi aderir à iniciativa de deixar um livro num local público para que alguém lhe pegasse e o leva-se consigo, um ótimo incentivo à leitura.

Peguei num dos meus livros, escrevi uma pequena mensagem com o título de "um livro não tem dono" pedindo para o levar e partilha-lo também tal como eu fiz.

 

Dirigi-me à padaria da minha zona, um local muito frequentado, pedi às funcionárias se podia deixar o livro numa mesa da esplanada e elas assentiram.

Deixei-o lá, bem à vista. Não contive a curiosidade e fiquei a observar o que se passaria olhando de quando em vez para a janela.

 

Ao longo do dias muitas foram as pessoas que por ali passaram e outras que se sentaram nessa mesma esplanada. No final do dia, fui ver se alguém o tinha levado e, qual não foi o meu espanto, o livro estava ali, intacto!

Segundo me disseram, ninguém lhe pegou porque pensavam ser de alguém e desconhecem totalmente esta iniciativa, mesmo depois da funcionária muito gentilmente ter informado a essas pessoas do que se tratava.

Não quero acreditar que ninguém o levou porque não querem ler, porque não dão importância à leitura. Contudo, parece-me que a minha intuição está certa...

 

Hoje vou deixa-lo no mesmo sítio para ver o que acontece.

 

75 comentários

Comentar post

Pág. 1/4

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D