Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sr. Solitário

Aquilo que penso. Aquilo que sinto. Aquilo que sou.

Sr. Solitário

Aquilo que penso. Aquilo que sinto. Aquilo que sou.

29
Ago16

Momentos #01

Sr. Solitário

Certo dia fui a um centro de reabilitação com um amigo que foi visitar um familiar, ali para os lados de Valadares. Um centro muito bom, com uma vista magnífica para o mar. Tenho a certeza que todos os pacientes que passam por lá, sintam uma calma e uma tranquilidade enormes. Adormecer e acordar com o som das ondas deve ser algo indescritível, capaz de ajudar a curar todas as feridas.

 

Após a visita, já o dia se findava, decidimos dar um passeio pelo areal, contemplando o pôr do sol. Eis que avistamos ao longe, vindo do centro de reabilitação, um rapaz de cadeira de rodas, que se movia rapidamente em direção à praia.

 

Lutando contra a falta de mobilidade, este jovem conseguiu vencer todos os obstáculos que encontrou no seu caminho até chegar ao destino, ao seu objetivo. Contemplar o mar mais de perto, fora das janelas do centro de reabilitação, mesmo do outro lado da rua.

Ficou ali durante muito tempo olhando o mar e pensando na vida, enquanto o dia ia escurecendo aos poucos, dando lugar a uma noite estrelada.

 

Naquele momento pensei em todas as minhas dificuldades e no quanto insignificantes elas eram. Se um jovem com falta de mobilidade conseguiu chegar até ao areal da praia, então todos nós conseguimos alcançar todos os nossos objetivos. É preciso é lutar por eles, com esforço e dedicação.

Não pude deixar de gravar este momento e partilhar com todos vocês. Nunca mais o vou esquecer.

 

"Agir, eis a inteligência verdadeira. Serei o que quiser. Mas tenho que querer o que for. O êxito está em ter êxito, e não em ter condições de êxito. Condições de palácio tem qualquer terra larga, mas onde estará o palácio se não o fizerem ali?"
 

 
Fernando Pessoa

 

1.jpg

2.jpg

3.jpg

 

31 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D